Koeman regressa à selecção dos Países Baixos posteriormente o Mundial

Ronald Koeman está de volta à selecção dos Países Baixos. O ex-técnico do Barcelona vai suceder a Louis Van Gaal posteriormente o Mundial do Qatar, anunciou nesta quarta-feira a federação neerlandesa de futebol.

O técnico de 59 anos já havia comandado a “Laranja Mecânica” entre 2018 e 2019, tendo apanhado 11 vitórias em 20 partidas. Durante esse período, levou os Países Baixos à final da Liga das Nações, perdida no Dragão frente a Portugal, e à tempo final do Euro 2020, posteriormente as ausências em 2016 e em 2018.


“Estou ansioso por voltar. Há tapume de ano e meio não deixei a selecção por estar insatisfeito. A minha passagem foi boa, assim uma vez que os resultados. Em breve continuaremos o nosso caminho”, referiu, citado pelo site da federação.

Ronald Koeman representou os Países Baixos em 78 ocasiões uma vez que jogador e fez segmento da equipa que conquistou o Euro88. Depois de ter terminado a curso, o técnico somou experiências em clubes uma vez que Vitesse, Ajax, Benfica, PSV, Valência, AZ, Feyenoord, Southampton, Everton e Barcelona, o seu último trabalho.

Agora, o velho resguardo assinou um contrato válido até ao próximo Campeonato do Mundo, em 2026, a realizar no México, no Canadá e ainda nos Estados Unidos.

Koeman torna-se, assim, no substituto de Louis van Gaal, que revelou no último domingo estar a lutar contra um tipo hostil de cancro na próstata, embora vá estar presente no Mundial2022.

Texto editado por Nuno Sousa

Manancial: https://www.publico.pt/2022/04/06/desporto/noticia/koeman-regressa-seleccao-paises-baixos-apos-mundial-2001551