Morreu Maria de Jesus Serra Lopes, antiga bastonária da Ordem dos Advogados

A primeira mulher bastonária da Ordem dos Advogados, Maria de Jesus Serra Lopes, morreu esta sexta-feira aos 88 anos, confirmou a Ordem num comunicado publicado no site e nas redes sociais.

Nascida a 15 de Julho de 1933, em Lisboa, Maria de Jesus Brito Lamas Moreira Serra Lopes licenciou-se em Recta em 1957, pela Universidade de Lisboa. Exerceu o missão de bastonária entre 1990 e 1992. Foi também a primeira mulher escolhida uma vez que conselheira de Estado, entre 1996 e 2005, por indicação do logo Presidente Jorge Sampaio.

“O Senhor Bastonário, Prof. Doutor Luís Menezes Leitão, e o Juízo Universal manifestam o seu mais profundo tarar pelo falecimento da nossa Ilustre Colega, Maria de Jesus Serra Lopes, e apresentam sentidas pêsames à sua família”, lê-se no enviado.

Maria de Jesus Serra Lopes desempenhou vários cargos na Ordem dos Advogados, entre os quais o de membro do Juízo Universal, presidente da Percentagem de Legislação, vogal do Juízo Superior e vice-presidente do Juízo Superior.

Em 1996 foi agraciada com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique e em 2005 com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo.

Foi casada com o também jurisconsulto António Serra Lopes, que conheceu na universidade, e de quem teve dois filhos.

Manadeira: https://www.publico.pt/2022/04/08/sociedade/noticia/morreu-maria-jesus-serra-lopes-antiga-bastonaria-ordem-advogados-2001938