Papa pede que o Mundial reforce a simetria entre nações, fraternidade e tranquilidade entre povos – Notícias

O Papa Francisco lançou, esta quarta-feira, um apelo para que o Mundial de Futebol no Qatar “seja uma ocasião de encontro e simetria entre as nações, promovendo a fraternidade e a tranquilidade entre os povos”.

“Gostaria de enviar minhas saudações aos jogadores, adeptos e espetadores que acompanham de vários continentes o Mundial de Futebol que está a ocorrer no Qatar. Que levante importante evento seja uma ocasião de encontro e confraternização entre as nações, promovendo a fraternidade e a tranquilidade entre os povos”, declarou no final da audiência universal que se realiza porquê todas as quartas-feiras na terreiro de São Pedro, no Vaticano.

A escolha do Pesquisar porquê sede da Despensa do Mundo suscitou duras críticas devido às suas políticas internas restritivas em relação às liberdades individuais, aos direitos dos trabalhadores e ao reverência às minorias.

Diferentes organizações não-governamentais (ONG) internacionais, porquê a Amnistia Internacional (AI) ou a Human Rights Watch (HRW), denunciaram a situação dos direitos humanos no país arábico, com base em exaustivas investigações e numerosas fontes.

Durante a sua recente viagem ao Bahrein, o Papa prateado defendeu que em toda a região do Golfo Pérsico se devem promover “os direitos e condições justas e cada vez melhores para trabalhadores, mulheres e jovens, garantindo reverência e desvelo para aqueles que sofrem uma maior marginalização na sociedade, porquê os que imigram e os prisioneiros”.

A 22.ª edição do Campeonato do Mundo de Futebol decorre até 18 de dezembro.


Manancial: https://www.cmjornal.pt/desporto/mundial-2022/noticias/pormenor/papa-pede-que-o-mundial-reforce-a-harmonia-entre-nacoes-fraternidade-e-paz-entre-povos