Varão desaparece e é encontrado em coma num hospital em Novidade Iorque – Mundo

Tiburcio Castillo, um imigrante mexicano que trabalhava uma vez que estafeta num restaurante em Novidade Iorque, nos EUA, morreu na passada terça-feira depois ter sido violentamente agredido por cinco homens. 

‘Tibo’, uma vez que era mais divulgado, regressava a vivenda no dia 28 de junho, depois de mais um dia de trabalho. O varão deslocava-de de bicicleta na ponte da Avenida Willis, quando foi surpreendido por um grupo de cinco indivíduos, que o roubaram e espancaram.

Castillo não regressou a vivenda na fatídica noite, nem apareceu no trabalho no dia seguinte. A família não sabia do seu paradeiro e acabou por encontrá-lo internado no Hospital Lincoln, em Bronx, Novidade Iorque, a lutar pela vida. ‘Tibo’, de 37 anos, sofreu lesões cerebrais irreversíveis e ficou 13 dias ligado a uma máquina de suporte de vida, de convénio com o jornal Daily Mail. Acabou por perder a vida na passada terça-feira.

A vítima era casada e tinha quatro filhos.

“Era um quidam inacreditavelmente gentil”, disse Alex McNeice, um dos donos do restaurante onde Castillo trabalhava. “Ele tinha sempre um sorriso na face. Nunca se queixou. Trabalhava cá seis noites por semana”, acrescentou ainda.

McNeice criou um fundo monetário para concordar a família de ‘Tibo’. Esta sexta-feira, decorreu ainda uma angariação de fundo no restaurante. 

Até ao momento, ainda não foram identificados os autores das violentas agressões. 


Manadeira: https://www.cmjornal.pt/mundo/pormenor/homem-desaparece-e-e-encontrado-em-coma-num-hospital-em-nova-iorque